Logotipo memória
Item de menu Linha do tempo
Item de menu Processos Históricos
Item de menu História Oral /></a></div><div class=Item de menu Galerias
Item de menu 25 Anos de Inovação
Novo modelo de laudos periciais eletrônicos da JF da 4ª Região entra em vigor amanhã
07/08/2018 14:32:55





A partir da zero hora da próxima quarta-feira (8/8), entra em funcionamento o novo modelo de laudos periciais eletrônicos da Justiça Federal da 4ª Região, utilizados pelos peritos médicos nos processos previdenciários de concessão de benefícios por incapacidade.

Portanto, os peritos tem até as 23:59h da próxima terça-feira (7/8) como data limite para anexar os laudos eletrônicos em elaboração ao sistema eproc utilizando o padrão de formulário atual.

A partir do dia 8, os laudos ainda não anexados aos processos somente poderão ser confeccionados e incluídos no sistema seguindo o novo modelo. Além disso, não estará disponível recurso que permita a importação dos dados salvos no atual sistema de laudos. 

A inovação é fruto de diversas reuniões de trabalho e do esforço conjunto de profissionais da Corregedoria Regional da Justiça Federal da 4ª Região e do Tribunal Regional da 4ª Região (TRF4) que trabalham na área judiciária e na de tecnologia da informação (TI). A nova ferramenta busca proporcionar uma melhoria na prestação jurisdicional, beneficiando todos os seus envolvidos.

Em 2016, a Corregedoria havia iniciado, a partir de demandas trazidas pelas varas federais da primeira instância, uma série de projetos. O objetivo era o aprimoramento do laudo pericial eletrônico. Essas iniciativas apontaram a necessidade de reformulações nos quesitos, na formatação e na forma de preenchimento dos laudos, o que resultou no novo modelo que entra em vigência a partir da próxima semana.

As eventuais dúvidas dos peritos médicos sobre o novo sistema de laudos eletrônicos deverão ser dirigidas às próprias varas federais que demandaram pela perícia judicial.

Para conhecer as orientações aos peritos médicos sobre o preenchimento do novo modelo de laudos, acesse: https://bit.ly/2M5u7Hh